As viagens que já foram canceladas ou adiadas por conta da pandemia

As viagens em tempo de pandemia fizeram com que as empresas aéreas pudessem flexibilizarem as suas regras. Muitas delas, que foram adiadas por essa pandemia, já podem ser alteradas novamente. Muitas empresas que são de turismo estão aceitando remarcar, sendo melhor do que perder um cliente ou ter de devolver os valores que já foram recebidos. 

Para os viajantes que tiverem uma viagem marcada para o segundo semestre de 2020 e a partir de setembro, terão maiores chances de encontrar um cenário que é de normalidade. Entretanto, já dá para ser otimista e esperar por um desfecho que é favorável, com um cenário em constante mudança para as empresas remarcarem ou flexibilizarem todas as suas políticas.

Entre em contato com a sua empresa aérea, se já comprou essa passagem ou um pacote. Tente fazer o cancelamento ou alterar e de forma que é online, por site ou aplicativo ou por telefone, sem que seja necessário um suporte que seja humano, pois, dessa forma será bem rápido resolver essa situação. A prioridade no momento pode ser para quem está com viagem marcada.

Se a sua passagem for com milhas, procure por esse programa, para realizar a sua devida remarcação ou usar o resgate que é dessa passagem. Muitas empresas tem sido mais flexíveis e outras são mais duras, em relação às alternativas oferecidas para os seus clientes, para que eles também não se sintam prejudicados.

Os governos de muitas nações, como o Brasil, Estados Unidos, Singapura, Emirados Árabes Unidos, China, Austrália, Colômbia e Nova Zelândia, já anunciaram muitas medidas que são de apoio para as companhias aéreas, por meio de linhas que são de financiamento, que são especiais e com juros mais baixos, evitando voar com os seus aviões vazios, para fugir de uma falência.

As tendências de viagens para os próximos meses 

Houve um grande impacto por causa da pandemia, com muitos adiamentos ou remarcações nas viagens. Entretanto, a paixão por uma viagem é uma característica que é dos brasileiros, já que está se notando um grande aumento pelas buscas que são de viagens nacionais e principalmente por aquelas que são com destinos de praias e até por viagens que são internacionais.

O turismo teve um impacto que foi de fundamental importância nas economias que eram locais. Na indústria do turismo, há um consenso que é o de ter um começo por essas viagens, por aquelas que são as nacionais, com viagens que são mais curtas, com mais buscas para o período de viagem de Natal e do Réveillon.

A flexibilidade para reprogramar uma data, para o caso do cliente, acaba sendo uma característica que é muito procurada nessa nova etapa que é a do turismo. No entanto, o consumidor está claramente preocupado com a sua saúde e segurança, ainda mais nas hospedagens e nos serviços que devem seguir aos protocolos que são sanitários e definidos pelas autoridades.

A procura pelos turistas está maior pelos destinos que podem oferecer boas experiências e ao livre. Muitos dos viajantes estão priorizando um contato que é direto com a natureza e sem que se tenha aglomeração, pelas limitações impostas pelo Coronavírus e com o isolamento. O Brasil tem diversos destinos de contato com a natureza. 

As experiências de negócios e as viagens começam a ser feitas, mesmo com a grande maioria dos viajantes preferindo ainda viajar para relaxar. Os executivos seguem trabalhando online com todos os seus colaboradores. Todos estão criando uma experiência que é mais híbrida, para os seus colegas e que estão mais focados num trabalho que é remoto e que está dando muito certo.

Os destinos para os viajantes no Brasil que já remarcaram ou adiaram

Com os destinos reabertos, o ecoturismo é considerado como a opção que é a mais segura, após passarem meses fechados devido à pandemia. Esses tipos de viagens voltam com grupos pequenos, com o uso obrigatório de máscaras e com uma higienização que é constante das mãos, em todas as atividades, trazendo mais segurança para todos os viajantes.

As unidades que são de conservação ambientais federais que já estiveram fechadas e precisaram ser remarcadas ou adiadas, já reabriram, com redução de público e respeitando o espaçamento mínimo, com o objetivo de diminuir o risco de contaminação e de disseminação da COVID-19, com uma série de medidas sanitárias.

Os destinos para o ecoturismo do Brasil, que já estão reabertos são o Parque Nacional de Amparados da Serra (RS), o Parque Nacional da Serra Geral (RS), o Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses (MA), o Parque Nacional de Brasília (DF), o Parque Nacional da Tijuca (RJ), o Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros (GO) e o Parque Nacional do Iguaçu (PR).

Em Minas Gerais, Ouro Preto, também foi uma viagem remarcada ou adiada pelos viajantes. É um delicioso destino e ideal para quem gosta de montanhas, cidades que são históricas e também uma boa gastronomia, numa cidade que tem uma boa infraestrutura, com lindas paisagens e com muitos restaurantes que são ao ar livre.

Itacaré, na Bahia foi alvo de viajantes que tiveram de remarcar ou de adiar essa viagem devido à pandemia. Suas praias são selvagens e cercadas pela Mata Atlântica, sendo um dos melhores destinos no sul da Bahia. Fica localizada a cerca de 75 km de Ilhéus, com essa cidade fazendo parte da Costa do Cacau, possuindo cachoeiras e praias que são boas para quem gosta de relaxar.  

Em São Miguel dos Milagres, em Alagoas, também foi um destino remarcado ou adiado pelos turistas na pandemia e já está recebendo os turistas. Ela fica próxima a Maragogi, fica localizada a beira-mar, também perfeita para quem quer um sossego, para um destino que é bucólico, pequeno e muito simples. Entretanto, o destino não é recomendado para quem gosta de badalação.

O nosso último destino que selecionamos que estava fechado e que os turistas tiveram de remarcar ou adiar essa viagem é Alter do Chão, no Pará. É um destino que já está recebendo os viajantes. Tudo ali é cercado por um verde da Amazônia, com água doce, dos rios Tapajós e Arapiuns. Se você tinha uma viagem marcada para um desses destinos, já pode fazer as suas malas.

Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0

Comments

0 comments

Turismo em Ouro Preto

Viagem de avião – O que você deve saber?