Viagem internacional de poucos dias

Para as pessoas que não dispõem de muitos dias para fazer uma viagem
internacional, saiba que isso é possível, mesmo fora do Brasil. São viagens rápidas. Com distâncias que não são longas e claro, com um planejamento de voo, será possível escolher os melhores horários para poder tirar todo o proveito desses destinos.


Aproveitando os dias de descanso
A dica é aproveitar os dias de descanso com um feriado prolongado ou com uma viagem bem rápida para o exterior, não perca essa chance e se programe com bastante antecedência para estar saindo do Brasil e curtir um país diferente com muitas culturas e com belezas que são típicas de cada região.


Fugindo de lugares mais quentes
Para quem quer fugir dos lugares que são mais quentes e até do verão
brasileiro e fazer uma viagem de bate volta para o exterior a dica é Bariloche, que fica bem perto do Lago Nahuel Huapi, que é a sua porta de entrada, para a região dos lagos argentinos. Não deixe de curtir a sua principal atração muito procurada pelos brasileiros que é a de esquiar.
O Cerro Central é a sua região que é um centro para a prática de esqui, muito desenvolvido na América Latina, com uma boa infraestrutura para os seus visitantes e sem a necessidade de visto ou até mesmo de passaporte.um lugar que pode oferecer muito mais do que neve e que é considerado muito bom para se visitar.


Montevidéu
Uma boa viagem para quem deseja passar poucos dias e ainda pode sair bem barato. É um país pequeno que é considerado a porta de entrada para se passar um ou dois dias nessa viagem, que já está de bom tamanho para se aproveitar muita coisa nessa cidade. Não deixe de visitar o seu mais importante cartão postal que é a cidade de Punta Del Este, com seus belos pontos turísticos, uma boa comida e os seus deliciosos vinhos.
A cidade de Montevidéu é muito arborizada e com muitos parques extensos, sendo o mais famoso dele o parque de Rodó, que é bem acessível e o Parque Del Prado, um local no qual acontecem muitos eventos e que pode ser encontrado o seu Jardim Botânico e não deixe de conhecer um cassino e até tentar a sorte numa mesa em um desses cassinos existentes em Montevidéu.


Santiago
Essa é a capital do Chile, que reserva uma cidade para os seus visitantes que é bem desenvolvida e que fica bem próxima da Cordilheira dos Andes, com muitos traços em Santiago que nos lembra muito os traços latinos, porém, com muitas características que são das metrópoles da Europa, o que por si só, já garante essa viagem, como uma das melhores e que pode ser feito bem rapidinha e fora de nosso país.
Para os visitantes nessa cidade a marca é de ser uma cidade grande, limpa, cheia de movimentos em algumas de suas áreas e com alguns de seus bairros perfeitos para uma noitada e com muita tranquilidade. Há muitos edifícios que são históricos, muitos museus, seus belos parques com sua visão panorâmica e até poder desfrutar de uma deliciosa refeição e se divertir muito em Santiago.


Suriname
O Suriname é um dos países que fazem fronteira com o Brasil. É um dos países que tem inúmeras belezas que são consideradas naturais, de um povo acolhedor, multicultural, pouco explorado pelo turismo e sendo uma viagem que é considerada de baixo custo para os seus visitantes que querem fazer uma viagem de poucos dias num destino fora do Brasil.
O seu idioma que é o oficial nesse país é o holandês, mas os seus nativos também falam com muita fluência o inglês, isso é fruto de uma educação nesse país que é de graça e em escolas que são de período integral. A sua capital é Paramaribo, que é marcado por muitos de seus povos que são indígenas, asiáticos e até descendentes de povos europeus.
Visite os seus museus, passeie pelas suas casas em estilo da Europa e faça passeios de barco, para aproveitar ao máximo essa sua rápida viagem por esse país que é cheio de belezas e que não é procurado por muitos turistas brasileiros e que não fica tão longe do Brasil, por ser um país que faz fronteira com o nosso.


Costa Rica
A Costa Rica é um país que é mergulhado numa natureza exuberante, que vale muito a pena uma visita que seja rápida para lá. Com poucos dias de viagem será possível conhecer os seus principais parques e até a praia. Fica na América Central e a sua capital é San José, com toda a sua simpatia e que tem muitos museus, jardins e monumentos.
O turismo na Costa Rica é o que move esse país, em seu setor econômico, que tem o maior crescimento, gerando muitas receitas que seus turistas podem deslumbrar de todos os seus parques nacionais e todas as suas áreas protegidas, hospedando uma rica fauna e flora com 5% da biodiversidade do mundo, com suas muitas praias e seus muitos vulcões.

Berlim
Indo um pouco mais longe do Brasil e mesmo assim, valendo uma viagem de poucos dias, chegamos em Berlim, na Alemanha, que dá para passar uma semana inteira nela ou até menos dias, para conhecer essa cidade. O certo é que é possível fazer uma viagem de pouquíssimos dias por lá. Berlim para os seus visitantes irá representar o novo, com o antigo sendo registrado com um símbolo nesse país, com uma Europa Unificada e ainda irá tropeçar em numa certa nostalgia que é totalmente marxista e que pode revelar muitos pontos que foram cruciais para toda a sua história recente.
O objetivo a ser alcançado nessas viagens de poucos dias
Todo o objetivo a ser alcançado nessas viagens de poucos dias é o de
conhecer todas as maravilhas que esses países possam apresentar para os
seus visitantes e numa viagem que não é demorada e que se o visitante souber planejar bem, poderá aproveitar todas as suas maravilhas.

Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0

Comments

0 comments

Viajar para Índia

Viajar para Angra dos Reis